Terceira Realidade: Windows Holographic

A Microsoft, a gigante actual do software, viu a sua posição desafiada com o aparecimento do smartphone, mercado onde tem uma presença nula devido a uma aposta tardia e complexa, na sua plataforma móvel, o Windows Phone. Mas no momento das novas realidades, a Microsoft espera não cometer os mesmos erros.

Com o lançamento do Hololens, o dispositivo de realidade aumentada da Microsoft, a empresa tornou-se uma das pioneiras deste espaço, num momento em que a maior aposta é feita em dispositivos de realidade virtual. O que nas palavas de Tim Cook, CEO da Apple, pode ter sido a opção mais correcta.

Hololens Kit
Mantendo a universalidade do Windows, a empresa chefiada por Satya Nadella, garantiu a compatibilidade da plataforma com aparelhos de realidade aumentada e realidade virtual como o Oculus Rift do Facebook, ou o Gear VR da Samsung.

 

A Microsoft está focada na era das novas realidades e espera introduzir uma terceira, a “Mixed Reality”.

 

Na conferência tecnológica Computex, em junho deste ano, a Microsoft apresentou o Windows Holographic OS, que estará disponível a qualquer fabricante. Ao utilizar a plataforma os ODMs e OEMs terão acesso a muitas funcionalidades exclusivas do Hololens, como a Holographic Shell, Windows Store, Xbox Live e diversos APIs.

Com o Windows Holographic OS a empresa revelou a ambição de misturar as Realidades Virtuais (VR) e as Realidades Aumentadas (AR). Num vídeo ilustrativo da nova plataforma é possível ver o Hololens a interagir com outros dispositivos como o HTC Vive, num cenário onde as diferentes realidades se interceptam.

A empresa de Redmond está a trabalhar com a Intel, AMD, Qualcomm, HTC, Acer, ASUS, Dell, Falcon Northwest, HP, Lenovo, MSI, entre outros, de modo a tornar a terceira realidade, uma realidade. Não é certo quando veremos o primeiro dispositivo a utilizar a plataforma, mas “they’re months away, not years”.

Num momento em que cada dispositivo de dispositivo de realidade aumentada ou virtual pareciam viver no seu próprio mundo, a Microsoft está a criar uma ponte entre eles.

 

Se quiseres aprofundar o teu conhecimento acerca de cada realidade podes ler o excelente artigo da RECODE.

 

Fonte Fonte