Windows Phone em Crescimento

A quota de mercado do sistema operativo móvel da Microsoft, em Portugal, à semelhança do que acontece em alguns países europeus é muito mais elevada que a sua quota de mercado global.

Tal facto deve-se a mercados como o  norte americano, Japão ou China onde o Windows Phone tem encontrado pouca aceitação por parte dos consumidores. Mas, a situação na Europa é bastante diferente, pois, existem países como o Reino Unido, França, Itália e Alemanha onde o sistema operativo (Windows Phone) já representa uma quota superior ou muito próximo dos 10% do total de smartphones vendidos ao ano.

A Microsoft prepara-se agora para repetir a façanha no nosso país.

Desde que foi apresentado, e mais tarde, com o lançamento dos primeiros equipamentos da Nokia com Windows Phone já no final de 2011, que o número de vendas em Portugal apresenta uma trajectória positiva.

microsoft_lumia_535_e

De acordo com a IDC*, em 2013, a Microsoft detinha uma quota de mercado de 5,2%, tendo esse numero aumentado para 6,5% em 2014, ou seja, cerca de 175.000 equipamentos vendidos num universo de 2.7 milhões de smartphones.

Actualmente, os objetivos da empresa são mais ambiciosos, pretendendo chegar a uma quota de mercado de pelo menos 10% já no final deste ano, o que representa nada mais, nada menos cerca de 300.000 equipamentos com Windows Phone vendidos ao longo do ano, se considerarmos os 3 milhões de smartphones que se esperam vendidos em Portugal, até ao final de 2015.

Uma meta que se revela ambiciosa, quando a Microsoft precisa de aumentar as suas vendas em cerca de 40% e o crescimento do mercado, esperado, é de apenas 8%. Tem assim a gigante de Redmond de convencer um grande número de portugueses a mudar de plataforma.

Achas que a Microsoft irá conseguir? Mostra-nos o que pensas nos comentários abaixo.

*International Data Corporation (IDC)